“Vereadores me cassaram para preservar cargos na prefeitura”, afirma Fabiana Nascimento

Fabiana Advogada

A vereadora Fabiana Nascimento (PSDB), de Chapada dos Guimarães, sofreu cassação de mandato, alegando que interesses políticos e nepotismo na administração municipal motivaram a decisão. Segundo Fabiana, nove vereadores, aliados ao prefeito, mantêm parentes em cargos comissionados na prefeitura, influenciando o voto contra ela para preservar esses privilégios.

Entre os casos destacados por Fabiana, Milena Thyffany de Souza Santos, filha do presidente da Câmara, Mariano Fidelis, ocupa o cargo de chefe do Departamento de Controle PSFs na Secretaria Municipal de Saúde. Além disso, Ederson Lisboa, filho da vereadora Rosa Lisboa, exerce diversos cargos na Secretaria de Educação, incluindo o de chefe da Divisão da Merenda Escolar. Por outro lado, Fabrícia Hosana Rodrigues da Silveira, esposa do vereador Zé Otávio (PL), trabalha na Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras, enquanto Danielle Marilia da Silva Santos, esposa do vereador Rafael Nilo (PSD), atua na Secretaria Municipal de Educação.

Denúncia e defesa

O ex-secretário de Governo, Gilberto Mello, denunciou Fabiana por advogar contra o município em três processos, violando a Lei Orgânica Municipal e o regimento da OAB-MT. No entanto, Fabiana negou as acusações e afirmou que o Ministério Público Estadual e a OAB não encontraram nada que desabonasse sua conduta. “Qualquer pessoa pode verificar os processos no sistema de Justiça Eletrônico (PJE) e confirmar minha inocência”, declarou Fabiana.

Recurso judicial

Em resposta à cassação, Fabiana recorreu judicialmente para reverter a decisão, alegando perseguição política. Ela destacou sua eleição com 442 votos e classificou a acusação de advogar contra o município como infundada. Além disso, a vereadora continua a lutar para reverter a decisão judicial, sustentando que seu afastamento resulta de uma clara perseguição política.

Cenário político em Chapada dos Guimarães

A situação em Chapada dos Guimarães expõe um cenário de intensas disputas políticas, com acusações de nepotismo e perseguição política. Portanto, Fabiana Nascimento busca reverter a cassação e continuar seu mandato, defendendo sua inocência e denunciando o que considera uma perseguição política evidente.

Assim, a disputa revela a complexidade e as tensões do cenário político local, onde interesses pessoais e acusações de conduta inadequada se entrelaçam, impactando a governança e a confiança pública na administração municipal.

Veja também
Recentes