Maysa Leão: Republicanos considera caminho independente nas eleições de Cuiabá; veja vídeo:

Maysa Leão

A vereadora por Cuiabá, Maysa Leão (Republicanos), afirmou que o partido está pronto para caminhar sozinho nas eleições municipais, caso não consiga a vaga de vice na chapa do presidente da Assembleia, Eduardo Botelho (União Brasil). Embora Maysa veja a aliança com Botelho como a escolha natural, ela reforça a determinação do Republicanos em garantir seu protagonismo nas próximas eleições.

Caminho natural

Maysa Leão explicou que a aliança com Botelho é considerada o caminho natural para o Republicanos. “Certamente, esse é o nosso caminho natural. Eu acredito que, neste momento, não haverá uma grande mudança. Este foi o combinado, de caminharmos juntos com o candidato do governador Mauro Mendes e, hoje, é o candidato Botelho. Então, acho muito difícil isso mudar”, afirmou Maysa.

Três nomes cotados

Para a vaga de vice, Maysa destacou três possíveis candidatos: Júnior da Verdão, Marcelo Sandrin e a tenente-coronel Hadassah Suzannah. “Esses nomes foram convidados para compor o partido para serem nossos vices. Tenho conversado muito com a Coronel Hadassah, ela tem participado das reuniões, porque gostaríamos que fosse uma mulher. Ela tem uma carreira, faltam dois anos para se aposentar, prestou trabalho ao estado e tem história. Tem o Júnior da Verdão com forte atuação e o Dr. Marcelo Sandrin. São excelentes nomes”, pontuou Maysa.

Republicanos pode caminhar sozinho

Além disso, Maysa Leão deixou claro que o Republicanos está preparado para uma campanha independente, caso não consiga a vice na chapa de Botelho. “Se não tivermos a vice, talvez andemos sem prefeito. Há a possibilidade de o Republicanos ir para uma campanha independente”, declarou a vereadora.

Construção do projeto

Maysa destacou que o projeto de pré-candidatura está pacificado internamente, garantindo a viabilidade de eleição para todos. Ela frisou que, por isso, não aceitaram filiações de vereadores com mandato nesta janela partidária. “Vamos esperar a janela partidária acabar. Cuidar dos nossos vereadores, e aí a gente está contigo com essa discussão”, afirmou.

Por fim, Maysa Leão reiterou seu foco na reeleição como vereadora. Ela respeita a decisão do vice-governador Otaviano Pivetta em apoiar Botelho, mas o partido não abre mão da vice e da oportunidade de ser protagonista ao lado do União Brasil nas eleições deste ano.

Conclusão

Portanto, a movimentação política em Cuiabá segue intensa, com Maysa Leão defendendo a força do Republicanos, seja em aliança com Eduardo Botelho, seja em uma campanha independente. A possibilidade de caminhar sozinho reflete a busca por protagonismo do partido nas próximas eleições, demonstrando que o Republicanos está pronto para assumir uma posição firme e estratégica.

Veja também
Recentes