Mauro Mendes retira obrigatoriedade do uso de máscara contra Covid-19

O Governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, acaba de revogar o Artigo 1º do Decreto nº 1.134, de 01 de outubro de 2021, que prevê a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção individual em todo o território mato-grossense.

A revogação será publicada em Diário Oficial do Estado que circulará nesta terça-feira (08.03).

A partir da publicação, competirá aos gestores municipais a decisão sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção individual em espaços públicos e privados, tendo como base as circunstâncias sanitárias locais.

Na tarde desta segunda-feira (07.03), Mauro Mendes se reuniu com o secretário de Estado de Saúde (SES), Gilberto Figueiredo, para deliberar sobre a revogação do decreto.

Na última semana, o prefeito de Nova Mutum, Leandro Félix (PSL,) retirou a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção contra a Covid-19. Agora o acessório passa a ser facultativo.

Nesta segunda o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (PSDB), sancionou a lei que retira a obrigatoriedade do uso da máscara de proteção contra a Covid-19. A utilização será facultativa. De acordo com Lafin, a decisão está baseada nas medidas tomadas no município de Nova Mutum.

Para a atualização da medida em todo Mato Grosso, foram considerados os dados epidemiológicos da Covid-19 em Mato Grosso e a ampliação da imunização contra o coronavírus no estado.

Fonte: Capital Notícia

Veja também
Recentes
CAS mantém Gabigol liberado para jogar pelo Flamengo
A Corte Arbitral do Esporte (CAS) anunciou uma decisão importante em relação ao caso de Gabigol, atacante do Flamengo. A União solicitou a anulação parcial do processo contra o jogador,…
Esporte