Criaturas “Misteriosas” de até 18 metros aparecem em praia, imagens circulam na web. Veja vídeo:

Recentemente, as praias da costa oeste dos Estados Unidos têm sido palco de um fenômeno peculiar: o surgimento frequente de criaturas marinhas gelatinosas e transparentes conhecidas como pirossomas. Esses organismos, que podem atingir até 18 metros de comprimento, foram observados pela primeira vez na região em 25 anos, de acordo com um relatório de O Globo, citando pesquisas da Oregon State University.

Via Metrópoles

Os pirossomas são notáveis não apenas por seu tamanho impressionante e aparência translúcida, mas também por sua composição. Apesar de parecerem ser um único organismo, são na verdade colônias formadas por milhares de indivíduos chamados zooides, que se agrupam em uma estrutura tubular. Este aspecto de sua biologia despertou a curiosidade de cientistas e estudiosos do meio ambiente.

De acordo com a NewScientist, os pirossomas se alimentam de fitoplâncton, um componente crucial da cadeia alimentar marinha. O fitoplâncton serve como base alimentar para uma variedade de espécies marinhas, e a presença abundante de pirossomas pode impactar negativamente esse equilíbrio ecológico. A diminuição do fitoplâncton disponível pode afetar a nutrição de outras espécies marinhas que dependem dele para sobreviver.

Outra característica intrigante dos pirossomas é o seu material gelatinoso, que os torna menos atrativos como fonte de alimento para outros animais marinhos. Sua consistência dificulta a digestão, o que significa que eles não são uma boa fonte de nutrientes para predadores potenciais. Este fator pode explicar por que eles conseguem formar colônias tão grandes e visíveis.

A presença dessas criaturas é um lembrete da vasta diversidade e complexidade da vida marinha e destaca a importância de continuar explorando e estudando os oceanos. As pesquisas sobre os pirossomas não apenas contribuem para o nosso entendimento dos ecossistemas marinhos, mas também podem ajudar a prever e mitigar possíveis impactos negativos na cadeia alimentar marinha causados por sua proliferação.

Veja também
Recentes
Memes do vovô
Memes do vovô
Memes do vovô