Bolsonaro aparece com bebê de Nikolas, e Carlos responde: ‘com a minha não!’

No último sábado (6/7), Nikolas Ferreira (PL-MG) compartilhou fotos que geraram uma grande controvérsia. Nas imagens, Jair Bolsonaro (PL) aparece segurando Aurora Ferreira, filha de Nikolas. Além disso, Michelle Bolsonaro e Lívia Orletti, esposa de Nikolas, também estão presentes.

Entretanto, Carlos Bolsonaro (PL), filho de Jair Bolsonaro, reagiu de maneira irônica nas redes sociais. Primeiramente, ele comentou na publicação de Nikolas no Instagram: “Legal o cara fazer isso com sua filha e com a minha não! De qualquer forma, parabéns sempre, grande Nikolas”. Além disso, Carlos compartilhou a foto no X (antigo Twitter), o que gerou várias críticas dos internautas. Por exemplo, uma seguidora questionou: “Que ciúmes bobo é esse?”, enquanto outro comentou: “Pra isso, Carlos? Essas coisas se resolvem pessoalmente”.

Print via metrópoles

Tensão familiar

A reação de Carlos sugere um desconforto com a ausência de gestos similares do pai em relação a sua filha, Júlia. Carlos Bolsonaro e Martha Seillier, ex-diretora executiva do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), são pais de Júlia, nascida em fevereiro de 2023. O comentário de Carlos evidencia tensões familiares que, frequentemente, são expostas ao público.

Este episódio revela, portanto, as dinâmicas internas da família Bolsonaro. Além disso, reflete como figuras públicas lidam com questões pessoais nas redes sociais. Os seguidores variam entre apoio e críticas, mostrando expectativas e frustrações pessoais que transcendem o âmbito privado.

Debate público

Por outro lado, Nikolas Ferreira continua compartilhando momentos familiares e valorizando suas conexões políticas. No entanto, Carlos Bolsonaro, ao usar ironia nas redes, pode estar indicando sentimentos de exclusão ou descontentamento. Conflitos familiares expostos publicamente oferecem, portanto, uma visão não filtrada das relações pessoais entre figuras políticas. A continuidade desse comportamento pode, afinal, afetar tanto as relações pessoais quanto a percepção pública da família Bolsonaro.

Veja também
Recentes