Policial Militar é encaminhado à delegacia após sacar arma em partida de futebol em Barra do Bugres-MT

Um policial militar que também atuava como árbitro em uma partida de futebol no bairro Distrito Industrial, em Barra do Bugres, na manhã deste domingo (28), foi levado à delegacia após um incidente envolvendo o uso de uma arma de fogo. Segundo relatos do boletim de ocorrência, o policial teria sacado uma arma, do modelo Glock, com 17 munições, durante o confronto entre equipes, supostamente apontando-a para membros de um time composto por indígenas.

O policial militar, que também atuava como árbitro da partida, alegou que após uma cobrança de falta que resultou em gol, alguns jogadores indígenas teriam se dirigido agressivamente à equipe de arbitragem. Após a discussão, um jogador indígena foi expulso, momento em que, segundo o policial, teria sido agredido, resultando na desclassificação do time. A versão apresentada pelo policial alega que, diante da possível ameaça, ele sacou a arma para conter a situação.

Por sua vez, os indígenas envolvidos no incidente contestaram a versão do policial, afirmando que, após o encerramento da partida, ocorreu uma discussão verbal com os árbitros, durante a qual a esposa de um dos indígenas teria sido alvo de insultos por parte do árbitro. Segundo os relatos dos indígenas, foi nesse momento que o policial sacou a arma de fogo, utilizando-a como forma de intimidação, além de proferir ofensas discriminatórias contra o grupo.

Veja também
Recentes