Operação prende 8 e mira em boates e bares do Comando Vermelho em Cuiabá. Veja vídeo:

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Mato Grosso (FICCO/MT) prendeu oito pessoas e cumpriu 36 mandados de busca e apreensão em uma operação que visou desmantelar uma rede de lavagem de dinheiro do Comando Vermelho. As ações ocorreram em Mato Grosso e no Rio de Janeiro, focando em membros da facção que usavam casas noturnas em Cuiabá como fachada para atividades ilícitas.

As investigações apontaram que os envolvidos utilizavam estabelecimentos noturnos para promover shows de artistas financiados pelo crime organizado. Além disso, foi identificado que os criminosos impediam a contratação de artistas de outros estados, vinculados a organizações rivais, sob ameaça de represálias.

Entre os alvos da operação estavam o sócio-proprietário de um bar na região da Beira Rio e um DJ, que tinham papel crucial na gestão desses eventos. As ações da FICCO/MT, coordenadas pela Polícia Federal, foram realizadas em parceria com as Polícias Civil, Militar, e Penal, demonstrando a cooperação entre diferentes forças de segurança para combater o crime organizado.

A facção Comando Vermelho, originária do Rio de Janeiro, tem uma forte presença em Mato Grosso, onde realiza diversas atividades criminosas, incluindo tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. A operação recente é parte de um esforço contínuo para desmantelar a estrutura dessa organização no estado, que vem causando grande impacto na segurança pública local​​.

Essa ação é um exemplo da importância de operações integradas e coordenadas no combate ao crime organizado, demonstrando que a colaboração entre diversas agências pode resultar em significativos avanços na segurança pública.

Veja também
Recentes