Ex-mulher agride atual de senador bolsonarista e a chama de “prostituta do Senado”. Veja vídeo:

Um incidente envolvendo Andressa Alves Mendonça, ex-mulher do senador Wilder Morais (PL-GO), e a atual esposa do parlamentar, a pedagoga Ana Luiza Morais, chamou atenção após vídeos do confronto serem divulgados pela coluna de Paulo Cappelli. As imagens mostram Andressa agredindo Ana Luiza durante um encontro que deveria ser destinado à resolução de assuntos documentais dos filhos do senador.

O episódio ocorreu em um contexto delicado, onde Andressa tentou interromper Ana Luiza, que estava gravando uma conversa entre ela e o senador. Andressa atacou o celular de Ana Luiza com um tapa e, em seguida, tentou acertar um golpe em seu rosto. Ana Luiza reagiu se defendendo e revidando à agressão. A situação escalou até que Ana Luiza empurrou Andressa e se refugiou em um elevador.

Ana Luiza relatou ao Ministério Público de Goiás ter sido ofendida por Andressa, que a chamou de “prostituta do Senado”. Em um trecho da denúncia, Ana Luiza descreveu que Andressa já havia tentado invadir a casa de Wilder em outra ocasião e que, durante o incidente mais recente, houve uma disputa por uma pasta contendo documentos importantes.

Andressa Mendonça, por sua vez, apresentou uma versão diferente dos fatos, alegando que Ana Luiza se recusou a entregar a pasta necessária para a emissão de passaportes dos filhos, o que desencadeou o conflito. Andressa afirmou que foi provocada e, apesar de seu impulso inicial, acabou sendo a parte agredida, sustentando que ficou com marcas físicas do confronto.

Este incidente destaca as tensões pessoais que às vezes se desdobram em espaços públicos, envolvendo figuras associadas à política brasileira. O caso continua a ser objeto de investigação pelas autoridades, enquanto a opinião pública acompanha o desenrolar dos eventos e as implicações legais e pessoais para todos os envolvidos.

Veja também
Recentes
Memes do vovô
Memes do vovô
Memes do vovô